Resenha Meu Querido Meio Irmão - Penelope Ward


Oii gente! tudo bem? Espero que sim. Hoje eu trouxe a Resenha Meu Querido Meio Irmão - Penelope Ward





Sinopse: Não é normal desejarmos alguém que nos atormenta. Quando meu meio-irmão, Elec, se mudou para nossa casa, eu não estava preparada para lidar com um cara tão idiota. Odiei o fato de ele ter descontado sua raiva em mim porque não queria estar aqui. Odiei ele ter trazido garotas da escola para seu quarto. Mas o que mais odiei foi o modo indesejável que meu corpo reagia a ele. A princípio, pensei que tudo o que ele tinha a seu favor era o corpo musculoso e tatuado e o rosto perfeito. Mas as coisas começaram a mudar entre nós, e tudo teve um desfecho em uma noite inesquecível. No entanto, do mesmo modo que Elec entrou na minha vida, logo voltou para a Califórnia. Passaram-se anos desde a última vez que o vi. Quando a tragédia atingiu nossa família, tive que encará-lo novamente. E, diabos, o adolescente que me deixou louca se tornou o homem que destruiu o resto de sanidade que havia em mim. Senti que meu coração estava prestes a ser partido. De novo.




Título: Meu Querido Meio Irmão
Autora: Penelope Ward
Editora: Pandorga
Gênero: Romance / New Adult
Ano: 2016
Páginas: 264
Nota: ❤ ❤ ❤ ❤ ❤


O livro é dividido em duas partes e narrado em primeira pessoa pela protagonista, a Greta, é um drama romântico ( um pouco hot ) com personagens que vão claramente amadurecendo com a passagem do tempo.

Na primeira parte do livro, o leitor acompanha o momento em que Greta e Elec se conhecem. Elec tenta afasta-la, ele não entende como Greta ainda quer ficar perto dele apesar de toda a sua grosseria.



Greta: Você não quer falar, então eu vou escrever.
Elec: Como você conseguiu meu número?
Greta: Seu pai.
Elec: Foda-se ele.
Eu decidi mudar o assunto para outro que não Randy.
Greta: Você gostou da refeição?
Elec: Embaralhe as letras de "refeiçao". Você consegue um "porcaria". Sua refeição = porcaria.
Greta: Por que você é tão mau?
Elec: Por que você é tão porcaria?




Elec começa a levar mulheres para casa, ao quarto ao lado de Greta, ela por sua vez fica triste e magoada por querer ser uma dessas mulheres. Elec acaba descobrindo num encontro duplo que ela é virgem.
Depois de alguns meses após ter chegado à Boston, Elec acaba tendo que ir embora antes do tempo previsto. Quase um ano depois de ter ido embora, Elec manda uma mensagem a Greta.


Elec: Eu ainda sonho com o seu pescoço. Eu ainda penso em você todos os dias. Por alguma razão, eu só precisava que você soubesse disso hoje à noite. Por favor, não escreva de volta.




A segunda parte do livro se passa 7 anos depois de Elec ter ido embora. O destino prega uma peça quando os dois precisam retornar à Boston.



Por trás do vidro, eu o vi.
Elec.
Ele ficou olhando para mim com uma toalha branca enrolada na cintura. Eu sempre imaginei como ele se pareceria depois de sete anos, mas até mesmo nos meus sonhos mais selvagens eu não poderia imaginar com o que eu realmente me deparei.



Mais logo Elec terá que ir embora, pela segunda vez.


Quando eu finalmente olhei em seus olhos, fiquei chocada ao vê-los molhados também.
- Está tudo bem, - eu disse. - Vá. Por favor. Mande-me mensagens se você quiser. É só que... Eu não posso fazer um longo adeus... Não com você.
- Ok. - Ele simplesmente disse.
Inclinei-me e dei-lhe um rápido beijo na bochecha antes de correr de volta para o carro e bater a porta.



O livro me surpreendeu bastante, não esperava que fosse tão bom.

Espero que vocês tenham gostado.

Da uma passada no blog das minhas parceiras Lara e Thaisa toda semana tem post.
Bjo ❤








2 comentários

  1. Amei essa resenha, eu tava em duvida em relação desse livro, mas gostei da resenha com certeza eu vou ler

    ResponderExcluir

Seguir